Dicas – Construção compartilhada

Quando optamos por construir uma casa logo vem em nossas cabeças dúvidas de como planejar, quais os caminhos a seguir para que minha construção seja a melhor possível para me morar com minha família .

Planejamento o primeiro passo

O planejamento de uma construção de casa, é uma tarefa que envolve diversos pontos que vão desde a definição do terreno e o levantamento da mão de obra necessária para a execução da obra, ainda temos que nos responsabilizar pala aquisição dos materiais, além da obtenção de todos os documentos.

O planejamento e primeira coisa que devemos fazer, é  não é um processo muito complexo, mas é uma das etapas mais importantes quando se deseja construir uma casa.

Este é o grande responsável por garantir que as obras sejam finalizadas dentro do prazo estipulado, para que o custo da construção fique dentro do orçamento com a qualidade esperada e não cause surpresas no final.

Terreno para construção compartilhada

Antes de qualquer coisa, para você venha construir a casa dos seus sonhos, é preciso escolher um local. A escolha do terreno é fundamental para construção do imóvel e, principalmente, para que ele fique dentro das suas expectativas.

É muito importante estar atento aos desníveis do terreno, a qualidade do solo, a área permitida para a construção da casa e a sua localização.

Definir orçamento

A determinação do valor a ser gasto na construção da casa, é provavelmente, o fator que mais vai impactar na construção do seu imóvel.

Todas as etapas da construção é passada pelo orçamento da obrar, sendo responsável por definir o tamanho, a qualidade da casa e o tempo gasto para a conclusão da construção. Por isso, é muito importante tomar muito cuidado ao fazer as contas de maneira correta e realista.

Tenha atenção para não exagerar no projeto, tudo isso para que você consiga pagar por todos os custos e terminar a obra no tempo esperado.

Porém, é preciso ter cuidado com situações contrárias: Não economize demais para depois se arrepender! Entendeu.

Contrate uma empresa de engenharia

O acompanhamento técnico durante a construção da casa é uma exigência da legislação brasileira. Após definido o orçamento, deve-se contratar uma empresa de engenharia, ela tem em seu quadro de colaboradores o  arquiteto profissional preparado para colocar seu projeto de casa própria no papel.

O profissional qualificado será o responsável por colocar no papel todos os seus sonhos, permitindo que você construa uma casa de altíssima qualidade e que atenda às suas exigências.

O arquiteto e urbanista não se preocupa apenas com a estética da obra. Ele também orienta, planeja e projeta de acordo com as condições do terreno e com as suas necessidades. Sua capacitação permite que as melhores técnicas sejam aplicadas, garantindo conforto, sustentabilidade e otimizando os espaços disponíveis.

Agora que passamos as informações precisas sobre como construir sua bela casa, a dica é que encontre uma pessoa de confiança para dividir o terreno.

A construção compartilhada pode trazer para os moradores a comodidade de gastar menos em muitos aspectos, tudo vai girar em torno da confiança e de quem estará sendo seu vizinho.

Lembrando que depois de construída a casa, você poderá ter acesso individual dentro do perímetro que te pertence.

Sucesso na sua nova moradia.

 

Dicas – Como realizar uma mudança compartilhada

O Brasil é um País de muitas oportunidades, um nação promissora e rendável para muita gente do mundo inteiro, nessas terras se encontra de quase tudo.

O povo desse País ama pega as malas e preparar aquela viagem dos sonhos. Entre as idas e vindas é natural que as pessoas mudem de planos, muitos querem encontrar um outro lugar para se morar, sendo por tempo indeterminado ou por um período oportuno.

É pensando nesse tipo de pessoa que o blog Le Funny face preparou esse artigo com dicas que irão te deixar mais feliz na hora de realizar sua mudança de casa.

Motivação da mudança no Brasil

O Brasil é um País tropical, com um grande potencial para agregar valores vindo de todas as partes, as terras brasileira se divide em quatro ecossistema que se destacam de forma separada. Vamos apresentar 2 deles que fazem sucesso no mundo inteiro e que pode ser seu próximo destino turístico ou sua nova moradia.

Floresta Amazônica

São terras que ocupam uma área de aproximadamente 5,5 milhões de km², está é a principal extensão vegetal do Brasil, ocupando 45% do nosso território, sendo também a maior floresta tropical do mundo.

É natural que pessoas de todas as partes viagem para este lugar, e quando conhecem a região Amazônica, produz dentro de se a vontade de mudar para essa região.

Pantanal

Este é um dos ecossistemas mais importantes do Brasil, sendo que é considerado a maior planície inundável do planeta terra.

A região tem a capacidade de atrair pessoas do mundo inteiro, e quando as pessoas conhecem este lugar, é natural o encantamento de cada uma delas.

Mora nesse lugar é dividir espaço com uma fauna exuberante, Pantanal  é nossa Savana brasileira.

 Mudança compartilhada

Está ai uma ideia inovadora e tendenciosa quando o assunto é economia, depois de ter conhecido e se apaixonado por cada uma das regiões brasileira, você decide que a melhor coisa a se fazer é: Prepara seus pertences e mudar para uma das cidades que compõem o território de um desses ecossistema.

Entre o lugar em que você morar até a cidade de destino é muito longe, há uma grande quantidade de pertences que não podem ficar para traz, porém seu orçamento é pequeno e sua situação não permite pagar uma empresa de mudança para transportar seus bens de forma exclusiva.

A melhor forma que podemos lhe indica é: Contrate uma empresa especializada em mudanças residenciaisela garante o transporte com a qualidade do serviço. Parece que dividir espaço com outras pessoas no mesmo caminhão traz desconforto e falta de confiança.

A empresa que transporta seus bens, se responsabilizar por todo o processo de armazenamento no caminhão, é natural que eles embalem com total cuidado suas mobílias sem que elas sofram algum tipo de avaria. Sabendo que pode demora um pouco mais de tempo para que seus pertences chegue em sua casa, o que aconselhamos é tenham em mãos um cronograma de mudanças, no final tudo dará certo.

Agora é com você, veja qual o melhor lugar para que você mude e seja feliz na hora de realizar a sua escolha.

Dicas – Decoração com vidros

o blog Le Funny Face pensando em como te ajudar na hora da decoração da sua casa, ou até mesmo no acabamento final da construção usando portas e janelas de vidro, preparou um conteúdo especial de como decorar sua casa com vidros.

O tema “casa própria” é algo que nos acompanha desde início da nossa vida chamada de “Independente”, somos envolvidos dentro das nossas vontades para que tenha este sonho ativo em nossas mentes até conseguirmos construir a nossa propriedade. A construção com acabamentos de vidros é algo sensacional.

Muitas pessoas desejam construir suas casas e ficam imaginando e desenhando nas suas mentes cada detalhe de cada um dos cômodos, como será o futuro lar, e o que mais planejam e imaginam é a parte do acabamento, cozinhas, banheiros, quartos, salas, etc. São vários detalhes, como as cores de cada uma das paredes, se essas serão de uma só cor ou se vão ter cores diferentes criando um ambiente mais acolhedor e diferenciado.

Gira constantemente em nossas mentes a escolha da pia da cozinha e do banheiro, pensando no tipo de material que será colocado nesses locais, o formato das janelas e o material, dentre vários outros detalhes.

Acabamento com vidro

Devemos ter bastante cuidado no momento de adquirir o vidro nas lojas, independente do tipo de acabamento de borda que se escolher, pois se sua borda não for bem acabada, esse pode se tornar frágil e com facilidade vir a quebrar todo o sistema de envidraçamento.

Podemos encontrar nas lojas, vidros com acabamento lapidado e reto, que possui um silicone e a sua borda fica exposta; encontramos também o acabamento do tipo polido reto que também possui um silicone estrutural mas o acabamento é um pouco diferente do lapidado; há o meia cana, o tipo meia cana polido, bisotê lapidado com silicone estrutural, há o tipo bisotê polido e o acabamento do tipo filetado.

Há opção que as lojas chamam de efeito 3 G, onde a borda do vidro fica com aspecto ondulado em degraus na sua beirada, além desse há o acabamento com a borda em uma angulação de 45 graus. A maioria desses acabamentos podem ser encontrados em espessuras diversas, mas as espessuras mais comuns são as de 10, 12 e 15 mm.

A escolha do vidro para que sua decoração aconteça é algo extremamente  pessoal, e na hora em que seus sonhos se realizarem sinta-se bem confortável.

Dicas – Como fazer Lavagem à seco

A lavagem à seco é a tendência do momento, este tipo de trabalho tem mudado o comportamento de várias pessoas no mundo inteiro, se partirmos do ponto de preservação do meio ambiente este estilo de limpeza veio para ficar de vez.

Como fazer Lavagem à seco:

Confira agora algumas dicas para a realização de uma lavagem à seco:

Como tudo começou

Ouve uma época em que as pessoas procuravam se inovar na área de limpeza, isso tudo por que havia necessidade de proteger peças de roupas caras e finas que elas tinham, essas peças quando lavadas através do método tradicional de limpeza, tinham grandes possibilidade de  sofrerem avarias.

Hoje a lavagem à seco migrou das tradicionais lavanderias para vários outros segmentos. E com tudo isso é fácil encontrar uma grande empresa de limpeza à seco para realizar o seu serviço, principalmente no ramo de carros e estofados.

A história por trás do método

Segundo relatos, a história da lavagem à seco começou como um estilo de limpeza que foi promovido pelos romanos da antiga Roma. A certeza de que tudo começou veio depois de concluírem os fatos, as lojas de limpeza à seco descobertas nas ruínas de Pompeia (esta cidade foi drasticamente soterrada pela erupção de um vulcão no ano de 79 depois de Cristo). De acordo com as descobertas, as pessoas que faziam o serviço de limpeza à seco utilizavam um tipo de argila misturada com soda cáustica e amônia, a fim de remover as manchas, como terra e suor, das roupas.

O processo seria básico, por que as manchas não saíam em lavagem comum com água. Para fazer a mistura, eles coletavam urina de animais e de pessoas em grandes jarros em banheiros públicos da cidade.

Olha que hilário, parece até que estão sujando o trem com mijo, mas é engano, o componente químico seria uma descoberta fantástica para época.

A partir do século 20 a história começou a mudar, o sistema de lavagem à seco, lançou no mercado produtos com uma capacidade extraordinária de limpeza.

Esses produtos removiam manchas tão bem quanto os produtos de limpeza à base de petróleo, sem o risco de que as roupas ou tecidos pegassem fogo. Para os donos de lavanderia, isso também foi um alívio, pois eles puderam instalar novamente as suas lojas no centro das cidades, eliminando ainda a necessidade de transporte das roupas em longas distâncias.

Os benefícios atuais da lavagem à seco é que além de ser uma opção perfeita para que sua limpeza aconteça, a lavagem se tornou braço direito na hora de preservar o meio  ambiente.